Sabias que a Suíça exporta mais café do que chocolates?

Comunidade CH - Afinal é o café mais exportado que os chocolates na Suíça

Para quem não sabe, os suíços são apaixonados por café, apesar de este não conseguir crescer em solo suíço. O país é hoje o segundo maior consumidor de café da Europa, mas também um dos maiores exportadores mundiais do produto. Curioso, não acham?

Apesar de não cultivar o café, devido às condições climatéricas adversas, o país re-exporta um terço do café que importa. Ou seja, compra os grãos de café aos maiores produtores mundiais, como Brasil, Colômbia, Etiópia e Vietname e depois de processados e embalados exporta o produto, com um valor acrescentado (claro está, gerando enormes lucros!).

O café em cápsulas, produzido pela empresa suíça mundialmente conhecida, Nespresso, é um sucesso de exportação e para o fabrico dessas mesmas cápsulas, o país tende a importar cada vez mais a matéria-prima.

Curioso é que a Suíça exporta café até para o Brasil, maior produtor e exportador de café do mundo e também seu fornecedor de grãos de café.

Sabe-se hoje que o país do Alpes exporta mais café, do que queijo ou mesmo chocolates. O valor das exportações de café já ultrapassa os 126,83 milhões de francos suíços.

A Suíça conta com 80 fábricas de torrefação de café e de acordo com a organização não-governamental Declaração de Berna, citada pelo Tribune de Genéve, “o café tornou-se, assim, a matéria-prima mais negociada no país”.

Aos relógios, ao queijo e ao chocolate é preciso agora juntar-lhe o café como ícone do país.


Fonte: aeiou.pt | dnoticias.pt