Lago dos Quatro Cantões

  • Nome: Vierwaldstättersee
  • Formação: última era glacial a partir do glaciar Reuss, há aproximadamente 12.000 anos.
  • Localização: Suíça Central
  • Área total: 114mKm2
  • Profundidade máxima: 214 metros
  • Volume: 11,8 Km3
  • Afluentes: Reuss, Sarner, Engelberger, Muota
  • Fronteiras: Uri, Schwyz e Unterwalden (que hoje é dividido em cantões de Obwald e Nidwald), Lucerna daí o nome Vierwaldstättersee.

 O Rio Reuss entra no lago em Flüelen (no cantão de Uri, a parte chamada Urnersee) e sai em Lucerna. O lago recebe o Rio Muota (em Brunnen), o Rio Engelberger (em Buochs) e o Sarner (em Alpnachstad).

O lago foi chamado de Lago de Lucerna (Luzern See), na Idade Média, um nome ainda usado em Inglês e, por vezes, em italiano (Lago di Lucerna). Mas o nome de Vierwaldstättersee impôs-se no século XVI por referência a três, depois quatro (a partir do século XV) cantões que o fundaram. A zona do lago que está adjacente à cidade de Lucerna ainda é normalmente denominada como Lago Lucerna.

A cidade de Lucerna foi construída onde o Rio Reuss abandona o lago, enquanto que os cantões de Uri, Schwyz e Unterwald ter-se-ão formado em torno dele. Ás comunidades foi concedida a soberania sobre as suas águas, desde a respectiva margem até ao meio do lago. Esta divisão levou a várias disputas por território ao longo dos anos.

Luzern - Comunidade CH

Na idade média, o lago foi uma importante rota de trânsito, até 1863 ela era a única rota de comércio para Gotthard. A rota do lago é utilizada ainda hoje, pelos famosos barcos de recreio, muitos existentes desde essa época. A viagem começa em Lucerna, seguindo até Flüelen, podendo continuar, em carruagens panorâmicas, através da famosa ferrovia de São Gotardo, até Ticino.

Até ao século XVI, várias companhias de navegação foram fundados em Uri e Lucerna. No século XVII, já existiam cinco concessões em Alpnach, enquanto em Brunnen, trabalhavam sessenta barqueiros agrupados numa organização.
As tensões frequentes entre os cantões e as empresas levou à conclusão de um acordo sobre a navegação (1687), que permaneceu em vigor até ao início do século XIX. Apareceu em 1837 a “Companhia de Navegação do Lago Lucerna”, a navegação a vapor havia começado e levou ao desaparecimento das cooperativas locais.

Antes da entrada em vigor do regulamento sobre os diques em 1867 as mudanças de nível do lago foram a causa de muitas inundações. Por esta razão, a cidade de Lucerna, localizada ao longo do rio Reuss, um dos afluentes do lago, estava frequentemente em conflito com os cantões primitivos. Em 1859/60, foi construída uma barragem móvel, em Lucerne, que colocou a primeira base para a regulação dos níveis de água. Considerada uma maravilha da tecnologia, esta barragem tem um sistema único no Mundo, onde os paus que a constituem são inseridas ou removidos à mão , para regular o nível de água no Lago de Lucerna. A barragem veio substituir os diques fluviais do Reuss, que canalizavam a água para as fábricas da cidade.

Hoje em dia o Lago dos Quatro Cantões é uma forte atracção turística.

As empresas que operam os barcos oferecem viagens para todos os gostos e carteiras. Vale muito a pena conhecer, não só a cidade, como aproveitar a paisagem que predomina ao longo do Lago.


Imagem: “Vierwaldstaettersee” by Ttrainer – Own work. Licensed under CC BY-SA 3.0 via Commons